Eu

Eu Eu o nico livro de poesia de Augusto dos Anjos publicado no Rio de Janeiro no ano de A obra se destaca pela vis o da vida numa esp cie de r plica idealiza o dos temas praticados pelo Parnasiani

  • Title: Eu
  • Author: Augusto dos Anjos
  • ISBN: null
  • Page: 403
  • Format: None
  • Eu o nico livro de poesia de Augusto dos Anjos, publicado no Rio de Janeiro no ano de 1912.A obra se destaca pela vis o da vida, numa esp cie de r plica idealiza o dos temas praticados pelo Parnasianismo Nessa obra, o autor exprime melancolia, ao mesmo tempo em que desafia os parnasianos, utilizando palavras n o po ticas como verme, cuspe, v mito, entre outras A obEu o nico livro de poesia de Augusto dos Anjos, publicado no Rio de Janeiro no ano de 1912.A obra se destaca pela vis o da vida, numa esp cie de r plica idealiza o dos temas praticados pelo Parnasianismo Nessa obra, o autor exprime melancolia, ao mesmo tempo em que desafia os parnasianos, utilizando palavras n o po ticas como verme, cuspe, v mito, entre outras A obra s possuiu grande vendagem ap s a morte do poeta Alguns a consideram uma obra expressionista, outros veem nela caracter sticas impressionistas, sendo comumente classificada como pertencente ao pr modernismo brasileiro Ele tamb m foi considerado rom ntico por muitos dos seus cr ticos brasileiros pois sua poesia parlamentarista n o agradou a todos os intelectuais negligentes da poca.

    • [PDF] Download ↠ Eu | by ↠ Augusto dos Anjos
      403 Augusto dos Anjos
    • thumbnail Title: [PDF] Download ↠ Eu | by ↠ Augusto dos Anjos
      Posted by:Augusto dos Anjos
      Published :2019-05-01T21:57:36+00:00

    About “Augusto dos Anjos”

    1. Augusto dos Anjos

      Augusto de Carvalho Rodrigues dos Anjos was a Brazilian poet and professor His poems speak mostly of sickness and death, and are considered to forerun the Modernism in Brazil.

    687 thoughts on “Eu”

    1. Poeta estranhíssimo! Seu mundo interior, se fosse colocado em prosa, daria contos e romances infinitamente superiores aos de H. P. Lovecraft. Ainda assim, me parece que sua poesia foi uma válvula de escape no Brasil. É tanta degradação que, vez ou outra, um Augusto dos Anjos aparece pra liberar um pouco da pressão. Enfim, poeta interessante que vale memorizar 3 ou 4 poesias maiores.



    Leave a Reply

    Your email address will not be published. Required fields are marked *